Garoto apanha até morrer e é enterrado em rodovia pelo namorado da mãe

Um garoto de 13 anos foi encontrado enterrado em uma rodovia próximo a casa dele no Novo México, Estados Unidos. Jeremiah Valencia foi encontrado após investigações da polícia mostrarem que o namorado da mãe, Tracy Pena, 35 anos, agrediu o garoto até a morte. Segundo a imprensa local, o corpo do menino só foi descoberto porque Pena está preso, por um outro crime ainda não divulgado, e teria contado a um companheiro de cela sobre a situação.

Esse detento, então, contou às autoridades e os policiais começaram as buscas. Durante as investigações, os oficiais descobriram outras atrocidade cometidas por Pena. Segundo a rede de televisão KRQE, a mãe e o padrasto colocavam Jeremiah no canil por horas sem comida e o torturavam de várias maneiras.

“Só posso dizer que essa pobre criança sofreu nas mãos desses monstros”, disse Robert Garcia, xerife do condado de Santa Fe à emissora de televisão. Tanto a mãe, quanto o padrasto e o irmão dele foram presos. Todos já eram investigados por outros crimes e vão responder por infanticídio.

As investigações descobriram ainda que o menino de 13 anos era colocado em um canil durante horas sem comida

E você, o que pensa a respeito de tudo isso?

Lembre-se de deixar o seu comentário. Sua opinião é muito importante para a nossa equipe e sempre ajuda no diálogo de temas com relevância para a nossa sociedade.

Menino autista vê bebê se afogando na piscina. E ele assusta todos ao mostrar o que fez

O vídeo foi enviado pela mãe do bebê para a página Quebrando o Tabu, e resultou em uma série de comentários sobre abandono de incapazes e limitações de crianças com autismo.

No vídeo, o pequeno se inclina para ver a água da piscina e acaba caindo. Seu primo, que é uma criança no espectro, pula imediatamente para resgatá-lo.

“Quem salvou meu filho de quase dois anos de idade foi meu sobrinho Pedro. Ele é autista, e tem 7 anos. Não deixámos rótulos de transtorno atingir ele, e graças a ele o meu filho está vivo”, explica a tia.

Confira o vídeo:

Depois de ver as imagens gravadas pela câmera de segurança, alguns internautas começaram a relatar as suas experiências com crianças no espectro.

“Só quem tem um em casa para entender o quão brilhantes eles são. Minha filha é diferente? Sim, ela é. Mas Deus trabalha, transforma e capacita todos da mesma maneira”, disse usuária.

Estamos na torcida para que o bebê esteja bem, e para que Pedro continue se desenvolvendo para ter mais atitudes heróicas como esta no futuro.

COMO É O COMPORTAMENTO DA CRIANÇA AUTISTA?

A criança que tem autismo mostra os sinais do transtorno logo na primeira infância. O detalhe, porém, é que muitos pais não sabem o que podem considerar como um indicativo que seu filho é autista. De fato, somente um especialista pode identificar, por meio de métodos assertivos, se o caso é autismo ou não.

O artigo hoje é voltado para pais que querem saber como é o comportamento da criança autista. Sem dúvida que é necessário ter muita cautela para se chegar a uma impressão dessas. Mas podemos adiantar que existem alguns traços peculiares manifestados pelos pequenos antes dos três anos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Veja as bizarrices que as pessoas fazem por dinheiro

Muitas pessoas acreditam que o dinheiro move o mundo, e isso não é uma mentira, tudo oque vamos fazer precisamos de dinheiro, e mesmo que digam que dinheiro não traz felicidade, sabemos que isso é nada mais que uma desculpa esfarrapada pra quem não tem dinheiro.

Hoje em dia principalmente é impossível viver sem dinheiro seja pras necessidades mais básicas que temos. Porém conseguí-lo não pe muito fácil, e arrumar um emprego também não está la a coisa mais fácil do mundo, por isso algumas pessoas acabam fazendo coisas bizarras para conseguir sobreviver. Hoje separamos 9 pessoas que fizeram coisas absurdas para conseguir dinheiro.

CONFIRAM:

1 – Vender a virgindade.

Recentemente, no Brasil, Ingrid Migliorini chegou a fechar negócio com um japonês, mas ele desistiu do negócio, pois, segundo ele, a brasileira era rude e só falava no dinheiro. Mas você se engana se acha que ela foi a primeira.

2 – Empurrador de metrô.

Em Tóquio uma ferrovia contratou pessoas para empurrar pessoas que estão penduradas nas portas do metrô. O trabalho delas é simplesmente colocar as pessoas para dentro usando a força, e fazem isso o dia inteiro.

3 – Dormidor profissional.

Esse emprego é o sonho de muitos. Antes dos colchões chegarem nas lojas, eles devem ser testados. Para isso, eles contratam pessoas para dormirem nesses colchões. Os batimentos cardíacos são testados na hora do sono, para ver o quão relaxante é o produto.

4 – Vender cabelo.

Em alguns países como a Índia e a Rússia, vender o cabelo pode dar uma boa grana. As pessoas deixam o seu cabelo crescer muito para fazer isso. Em média, 45 centímetros de cabelo podem render 400 dólares.

5 – Dormir abraçado.

Em Londres, Los Angeles e Tóquio, pessoas se oferecem para dormir abraçadas com outras. Acredite, esse serviço é muito procurado nesses lugares. E o salário é excelente. Pode-se conseguir até 300 dólares por noite dormida.

6 – Vender a vida inteira.

Se a lista estava estranha, ela acaba de piorar. Mike Merril fez uma coisa bem curiosa. Ele vendeu cada parte de seu corpo. Não, ele não se cortou e entregou as partes de seu corpo para os compradores. Ele demarcou o seu corpo e vendeu as partes para várias pessoas. E então, cada decisão que ele toma na sua vida, como trocar de carro e de namorada, deve ser votada pelos seus donos.

7 – Vender terra.

Um irlandês foi bem genial. Mas seu negócio depende muito do emocional de seus conterrâneos. Ele vende sacos de terra para quem está fora de seu país, para que as pessoas possam carregar partes de seu querido país como lembrança. Essa terra também é usada para enterrar pessoas que morrem longe da sua terra natal. O seu negócio foi bem sucedido, e ele agora tem uma empresa multinacional.

8 – Comer.

Essa é bizarra. Pessoas ganham para comer. Mas, isso não poderia dar muito certo. Uma mulher chamada Donna Simpson, sonhava em ser a mulher mais pesada do mundo. Para isso, criou um site onde cobrava 19 dólares para que as pessoas pudessem a ver comer para bater o recorde mundial. Ela conseguiu muito dinheiro com isso, mas, após receber um alerta de que morreria se continuasse com isso, Donna resolveu parar.

9 – Carpideiras.

São mulheres que choram em velório de gente desconhecida. Para que a família não passe vergonha na despedida de seus entes queridos, e para que todos pensam que aquela pessoa era muito querida, carpideiras são contratadas para fazer drama em velórios. Porém, no Reino Unido e na África é que geralmente são encontradas essas profissionais, embora no Brasil já se encontre pessoas que fazem

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Jornalista sai Xingando ”palavrões” Na Apresentação de Jornal da Globo e Choca Telespectadores; Assista

Jornalistas e repórter precisam estar sempre atentos, principalmente quando estão ao vivo, pois, nem sempre seus microfones estão desligados e, por vezes, algumas conversas entre eles acabam vazando para os telespectadores.
Quando são conversas normais se tornam irrelevantes, mas quando é algo mais serio, como um comentário pessoal sobre uma reportagem ou uma reclamação, a coisa fica mais seria.

A reporter Emmily Virgílio acabou passando por esse constrangimento ao achar que seu microfone estava desligado e soltou a língua. O problema é que ela acabou falando um palavrão quando estava ao vivo. Tudo indica que a reclamação seria por conta do microfone, que segundo sua reclamação, sempre tem dando algum problema.

Achando que eles já estavam desligados, ela soltou: “Olha aqui esses microfones. Todo dia essa put***”. O episódio aconteceu na sexta-feira (26) durante o jornal da tarde do RNTV 1ª.

É claro que o publico não ia deixar passar despercebido e rapidamente o vídeo começou a se espalhar pelas redes sociais.

Muitos internautas acham que ela poderia ser demitida, como aconteceu com William Waack, que teve um vídeo vazado. Primeiramente ele foi afastado pelo canal e depois de algumas semana demitido.

Veja o vídeo em que ela solta o palavrão ao vivo:

Será que ela irá perder o emprego também? O que você acha?